terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Diário de Férias: a estrada cansa, mas é divertida

Depois de quilômetros pelas estradas vazias do meu Rio Grande do Sul, eis que chego no destino final: São Francisco de Paula. Uma pequena cidade da serra gaúcha, mais conhecida como “perto de Gramado e Canela”, para quem eu explico onde fica. Desde criança eu venho aqui, porque é onde toda a minha família se reunia para visitar o meu avô. Desta vez, alguns de nós nos juntamos para comemorar o ano novo e descansar após um enorme 2012.

Incrivelmente, os quase 500 quilômetros de distância do ponto inicial até o destino final, passaram voando. Deu sono umas duas vezes só. Nós (minha família e eu) saímos de casa às 8h da manhã e chegamos mais ou menos umas 14:30h. Tudo isso com as pausas para almoço e esticamento de pernas.

O lugar que nós almoçamos (foto ao lado. Não comemos no asfalto, o restaurante não aparece. Risos) é bem bom. É a segunda vez que paramos ali e a comida é simples, mas enche o estômago. Consegui queimar o céu da boca com o feijão, talvez porque fui com muita sede ao prato.

Acabei nem assistindo nada enquanto andava e nem ouvi música. Reservei o momento para observar as maravilhosas paisagens, que são resumidas nas imagens deste post.

Como deu para perceber, eu não fiz muita coisa nesse primeiro dia, porque estava morto de cansado e ainda tinha toda a parte de virada de ano para comemorar. Uma coisa legal foi que eu encontrei uns primos que eu não via há mais de 10 anos, porque a distância das nossas residências é quase infinita. Eles moram do outro lado do Brasil, lá no topo, praticamente.

Estamos planejando algumas coisas para ir em Gramado e talvez dar uma passadinha na Arena do Grêmio. Vamos ver como tudo anda para programar melhor os passeios. Deixarei vocês informados com o passar dos dias.

Um comentário:

  1. Aguardo um texto, e fotos, sobre a linda biblioteca. ;)

    Aliás, "Miragem" é um nome muito bem adequado para uma biblioteca, com essa selva de pedras que são essas cidades grandes. Adornos bonitos com conteúdos vazios, nos quais a cultura não é incentivada/promovida.
    Não estou dizendo que São Francisco de Paula seja assim, mas somente justificando a compatibilidade do nome de uma biblioteca, de modo geral. Outro bom nome seria Oásis.

    ResponderExcluir