quarta-feira, 15 de agosto de 2012

É possível escrever textos sem vírgulas? Sim.

Com certeza. Esse texto é um exemplo claro de que não é preciso saber usar as vírgulas para fazer uma bela criação com as palavras. Você lê e percebe como tudo se comporta com fluidez nas linhas deste blog. Estou usando outro tipo de pontuação para expressar a minha ideia? Com certeza. Mas você não consegue notar qualquer problema nisso enquanto termina este parágrafo. Então por que as vírgulas são tão importantes se eu não estou usando-as? Pelo mesmo motivo que você tem olhos. Isso mesmo! Você só usa eles quando precisa. Quando está dormindo deixa-os fechados. A não ser que vossa senhoria seja um sonâmbulo ligadão. Concluindo... este nosso texto é o blog enquanto dorme.

Introduzido este fantástico universo sem vírgulas. Agora vamos falar um pouco dos meus últimos dias e como eu tenho passado eles. Normalmente eu acordo e vou para a "firma". Passo muitas horas lá até chegar em casa e ficar fazendo nada. Tenho um projeto de criação de brigadeiros muito bons saindo do forno e espero que isso dê certo. Vai que eu fique milionário? Outro dia estava lendo que uma galera consegue mais de R$ 10.000.000 neste mercado. Vamos ver o que acontece.

Falando em dias da minha vida... eu estou odiando este pseudo-verão que está acontecendo aqui no Rio Grande do Sul. Parece que as estações do ano não estão mais respeitando o cidadão. Tivemos uns dois dias de inverno e o resto foi pura zoação calorística. Por favor! Todos os dias olho para o céu aguardando uma boa chuva mas nada acontece. 

Outra coisa que eu acho incrível é o fato de somente lembrar de mudar algo da minha "vida" no Facebook quando percebo que outra pessoa está fazendo isso. Tem tanta novidade que dá vontade de postar... Pena que nunca me recordo de inseri-las na rede social. Acho que isso se deve ao fato de eu estar muito mais ligado no Twitter do que no Livro de Faces.

Viram? Eu consegui cumprir este desafio de fazer um texto sem vírgulas. Próximo teste: criar algo entendível sem pontuação alguma. Esse será complicado. Vejo vocês por aí!

Nenhum comentário:

Postar um comentário