sexta-feira, 27 de abril de 2012

Qual é o sentido do Dia do Trabalho? Eu explico.

Em toda a nossa vida nós temos certeza de alguma coisa: vamos ter que trabalhar um dia. Com o trabalho vêm as responsabilidades, os estresses, o dinheiro no final do mês. Também aparecem os primeiros pensamentos: "como eu era feliz quando tinha 7 anos e não precisava acordar cedo todos os dias". A não ser que você trabalhe de madrugada (o que eu acho que seria bem divertido, se eu fosse um astronauta, porque na lua é sempre noite. Risos). Mas é aquela coisa: trabalhar tem todos os lados bons e os ruins, assim como tudo na vida, infelizmente.

O dia do trabalho, portanto, nada mais é do que a mesma coisa que todos os feriados, ou seja, ter mais um dia para ficar em casa aproveitando a cama. Alguns vão espichar desde segunda e voltarão somente na quarta-feira (o que eu acho injusto e tal). E com certeza você curte isso, não é mesmo? Nem que seja um dia. Há quem diga que no Dia do Trabalho todos deveriam se esforçar ao dobro, sendo assim, quebrarei o seu argumento em apenas algumas frases. 


Quando você comemora o "Dia da Criança" você se torna mais criança? Ou se esforça mais para ser criança? Você continua a mesma coisa, porém com um presente podre em mãos. No dia do Tiradentes nenhum dentista é enforcado mais que o normal, é sempre a mesma coisa. Então vamos parar com essa confusão.


Na minha humilde opinião, o trabalhador deve ser, sim, muito exaltado, porque é ele quem bota comida no prato das pessoas. Principalmente as tias que servem no refeitório das escolas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário