quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

O menino que estava com sono

Olá, meu nome é Jonathan e eu deveria estar escrevendo um conto, deveria se eu estivesse vivo. Eu estou sentado na minha cadeira e não aguento mais digitar, preciso dormir. Porém, se não fizer o post eu vou ficar com peso na consciência durante o dia inteiro. Então estou narrando tudo o que está acontecendo ao meu redor neste momento: nada. Enquanto este texto está sendo digitado, são 11:41 da noite de terça-feira, 06 de dezembro de 2011. 

Eu ainda preciso ler um pouco de "A fúria dos Reis", segundo livro da série "As crônicas de gelo e fogo", creio que eu esteja já há três meses enrolando nessa leitura. Não é ruim, mas é cansativo, bem extenso. Por isso preciso de mais tempo para entender tudo e não somente engolir as páginas sem compreender uma frase sequer.


Meu ventilador está ligado e assim vai ficar até o sol raiar. Falaram que ia chover, mas a única água que eu vi foi a do chuveiro. Falando nisso, por que "chuveiro" não se chama "choveiro", já que vem da palavra "chover". Mistérios da humanidade.

Uma coisa que eu gosto de comer é panetone. Espero o ano inteiro pra poder desfrutar desta beleza celestial. Aqui em casa dois já foram pro abate. 

Não tenho muito mais o que escrever, só que não aguento mais com os olhos abertozzzzzzzzzz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário