segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Os assuntos polêmicos da internet

O assunto de hoje mexerá com corações, alterará opiniões, deixará você doido para xingar e destruir todo o universo em pequenos pedaços. Hoje, tudo o que você é a favor será criticado e tudo o que você é contra será elogiado. Prepare-se, mortal, pois vamos conversar sobre os tópicos mais debatidos de toda a história da internet.


Agora falando sério, depois dessa introdução épica (favor imaginar música emocionante enquanto lê), gostaria de conversar um pouco com você, caro amigo, sobre a inutilidade de debater certos assuntos que não saem do chão. A galáxia inteira sabe que discutir algo que é muito extremo, como times de futebol, por exemplo, é desperdiçar palavras, pois nunca ninguém terá uma opinião isenta sobre isso. Sempre terá alguém para xingar o amiguinho.

Todos os dias eu observo atentamente as publicações em nossas redes sociais e/ou fóruns, argumentações: Religião x Ateísmo; Time x Time; Partido Político x Partido Político. E sabe o que acontece no final de todas essas conversas e até mesmo ofensas? Nada. Absolutamente nada. São milhares de comentários tentando convencer a outra pessoa, mas ninguém realmente se interessa, pois cada um escolhe o jeito que quer viver, torcer, crer ou politizar. 

Religião x Ateísmo:

Muitas pessoas que creem e têm fé em algo não acham certo que algum ser humano não tenha pelo menos uma religião para cultivar. Os ateus, por outro lado, tentam convencer os Religiosos com argumentos contrários. São duas coisas que se chocam e não chegam a lugar nenhum. A minha opinião é que cada um tem a sua crença, seja por causa da família, seja por qualquer outro motivo, e ela só mudará quando tiver certeza de que isso está errado. Enfiar xingamentos goela abaixo não vai limpar o cérebro de alguém, principalmente se estes forem na internet.

Ou seja, discutir religiosidade na web é perda de tempo.

Futebol:

Cada pessoa tem seu time. Todos querem ter certeza de que ele é o melhor. Acha-se um jeito de xingar ou humilhar o adversários com argumentos muitas vezes ridículos e que não farão os outros trocarem de clube.

Aqui é o sujo falando do mal lavado, porque eu também gosto de discutir sobre futebol, mas tenho plena convicção de que é inútil. 

Política:

Ah, nossos queridos governantes. Você acredita que existe gente que discute sobre isso? Sobre aqueles caras que tiram o dinheiro de cada um de nós. Enquanto uns se matam aqui falando sobre comunismo x capitalismo, os nossos amigos lá no plenário estão bem certos que o dinheiro no bolso é interessante.

Mas deixando a conversa clichê de lado, o que eu falei nos tópicos acima também vale para esse: tudo completamente inútil. A opinião vomitada não vai mudar o pensamento de ninguém.

__

Acho que existem outros milhões de exemplos que eu poderia citar aqui, mas não muda muita coisa de um para o outro, peguei os mais comuns mesmo. Então, vamos nos unir e tentar parar de querer mandar nas opiniões alheias? Ou, quem sabe, limitar nossos argumentos com algo que valha a ser discutido. Por exemplo: séries e filmes.

Tenha um bom dia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário