terça-feira, 18 de outubro de 2011

Todos deveriam assistir e ler Game of Thrones

Já não é novidade que o meu canal de televisão favorito é a HBO. Ele é um dos únicos que consegue criar séries que acabam se tornando obras primas, dignas de infinitas temporadas. Pois bem, é por isso que eu resolvi fazer o post para, além de indicar a série, incentivar os fãs a lerem uma das mais incríveis sagas de fantasia dos últimos anos.

Eu fiquei curioso com Game of Thrones quando eu vi o primeiro teaser que apenas mostrava os reis sentados no mesmo trono, com a alusão de uma Guerra, onde não sabíamos quem ganharia a disputa de poder. Depois de uns cinco meses sem sequer ouvir falar da série, eis que assisti no YouTube os primeiros quinze minutos do tal épico programa baseado em um livro escrito por George R. R. Martins. 


Devo dizer que não tive vontade de acompanhar, talvez pela falta de costume de ver algo desse estilo, já que nunca achei filmes ou qualquer coisa medieval tão encantador. Mas mesmo assim fui lá e devorei o primeiro episódio. Achei formidável. No início é difícil de entender, as histórias são bastante complexas e o jeito que ela é narrada é exatamente como no livro. Em "A Guerra dos Tronos", primeira obra da saga, cada capítulo conta a história de um personagem e isso vai até o fim, creio que todos os outros sejam assim também. O fato de serem divididos desta maneira explica o porquê dos episódios sempre pularem de um reino para o outro.

Acho que não preciso falar sobre a qualidade, pois a HBO é impecável. 

A história em suma: é uma luta de poder. Todos querem vencer e tirar um pedaço do reino ou até mesmo controlar todo o Reinado. Temos dragões, bebedeiras, muita sem-vergonhice, brigas lutas, sangue, cabeças voando. Enfim, é genial, incrível, maravilhosamente tudo bem feito.

O amigo escritor George R.R Martin falou em uma entrevista, que queriam fazer um filme inspirado em sua obra, mas ele não aceitou, pois sabia que iriam destruir tudo o que ele havia criado. Aí a HBO chegou e ele disse SIM na hora, nem pensou. Ele também disse que os produtores criaram o set de forma perfeita, até mesmo melhor do que ele imaginava na própria mente.

Como eu li o primeiro livro depois de ter visto a temporada inteira, acho que posso dizer com toda a certeza que a série é exatamente igual, não tem o que tirar e o que colocar. Mas fica o aviso: nada substitui a experiência de ler, é mágico a forma com que nos prendemos facilmente na história. Tem horas que você parece estar acordando de um sonho de tão fácil que é imaginar o que está acontecendo.

Acho que não preciso mais nenhuma palavra.

__

Assista os primeiros quinze minutos de Game of Thrones

Nenhum comentário:

Postar um comentário