segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Eu aprendi lendo

Quando eu era criança sempre me diziam que ler era importante, que era extremamente necessário para construir ideias e alimentar o português com palavras mais sofisticadas. Eu não entendia o porquê de ser importunado toda hora com esses argumentos. Posso dizer que escrevia bem, não incrivelmente, mas dava pro gasto. Não levava adiante esse pensamento de que a leitura poderia mudar tudo.

Para ser bem sincero, eu comecei a ler seguidamente mais ou menos uns três, quatro anos atrás, mas definitivamente já recuperei todo o tempo perdido da infância. Continuo não gostando dos livros obrigatórios de vestibular e provas, e não sei quando vou mudar minha ideia quanto a isso.

Durante toda a minha vida eu estudei em escola pública, então o ensino já era precário por si só. Não me levem a mal, mas comparado ao conhecimento que muitos da minha idade (ou mais novos) têm sobre conteúdos do ensino fundamental/médio e estudaram em escolas particulares, minha situação é fraca.

Bom, nesse ano comecei a ler "Percy Jackson e os Olimpianos" e quando vi qual era o conteúdo da história, eu achei genial. São os deuses gregos nos dias de hoje, mas Rick Riordan conta com perfeição como funcionavam os mitos, quais eram os bons e os maus, tudo isso em uma narrativa muito divertida de acompanhar. Eu consigo afirmar que aprendi mais lendo as aventuras de Percy do que sentado na escola tentando enfiar o conteúdo no cérebro. 

E não foi só esse que me fez aumentar muito o conhecimento. Infelizmente, quando eu estudava português, alguns professores não ensinavam direito como construir textos, como aprender novas palavras, como colocar todas aquelas regras em prática. Eis que "As Crônicas de gelo e fogo" vieram para sanar todas as minhas dúvidas. O livro é enorme, e a coleção é de sete livros (recém terminei o primeiro), mas a forma com que é escrito é fenomenal. É uma leitura difícil e cheia de detalhes. Foi durante um mês passeando pelos reinos e caminhando pela muralha que eu fui analisando como escrever melhor, como colocar o conteúdo sem me perder no caminho.

Portanto, aos que leram até o final desse texto: parabéns. Significa que você ainda é uma esperança para a sociedade.

Um comentário:

  1. Uhu! Eu sou uma esperança para a sociedade! =)
    Eu sou viciada em ler desde os 11 anos, por culpa do Potter. Acho que a escola não teve muita coisa a ver com isso, não, até meus professores reclamavam de eu estar sempre com um livro embaixo da mesa (e não prestando a mínima atenção na aula).
    Também estou lendo As Crônicas de Gelo e Fogo. *-*

    ResponderExcluir